Marcação Tática
Pré-Temporada: América
2 Janeiro, 2018
0
,

Retornar à Série A é sempre uma missão difícil. Para o América tem sido assim. Ainda que tenha se firmado entre as equipes mais fortes do segundo escalão, conseguindo o acesso nas últimas três vezes que jogou a segunda divisão, se firmar entre os 20 melhores clubes do país não tem sido fácil. E tem que ser este o objetivo do Coelho em 2018.

 

O campeão da Série B sai na frente de boa parte dos concorrentes em um aspecto: o trabalho de Enderson Moreira é sólido e foi mantido. O treinador americano será o segundo mais longevo da Série A no começo da temporada (atrás apenas de Mano Menezes). Conseguiu superar o Inter na última temporada com uma defesa muito sólida e um ataque veloz. Precisará manter e aprimorar na atual temporada.

 

No mercado, o América ainda está longe de definir o elenco. Muitas contratações devem chegar, inclusive após o campeonato estadual. O fato de ter conquistado uma vaga já nas oitavas da Copa do Brasil deu à diretoria ainda mais tranquilidade para montar o elenco, tendo apenas o Mineiro como alvo no primeiro semestre.

 

De importante, além da renovação de Enderson, a permanência de jogadores como Rafael Lima e Luan. Outros como Giovanni e Ruy ainda negociam. Entre os titulares na campanha da Série B a única baixa é Ernandes. As contratações até aqui tem dois perfis: jogadores jovens em busca de espaço ou veteranos em baixa. A princípio, a base é quase a mesma de 2017.

4-2-3-1 de Enderson: defesa sólida e velocidade na frente.

Após a Série B, Enderson disse que o desafio era fazer o América que foi muito sólido na defesa, forte e rápido na frente, melhorar a capacidade de propor o jogo. Os reforços que chegaram até agora não ajudam nessa tarefa. Será preciso outras peças com mais capacidade de passe e controle da posse. No meio, o único com essa característica atualmente é o inconstante Renan Oliveira. De toda forma, se quiser velocidade e força para contra-atacar, pode apostar em Aylon e Luan pelos lados com o promissor Matheusinho, que machucado só retorna no fim do semestre, por dentro.

 

É preciso reconhecer o Campeonato que disputa. Entender a dificuldade de se manter na Série A, traçar o planejamento e acreditar. O América já sai na frente pela continuidade. Precisa agora encarar o desafio. Com coragem mas com a cabeça no lugar.

 

TÉCNICO: Enderson Moreira (no comando desde julho de 2016)

CHEGARAM: Matheus Sales (V – Palmeiras); Aylon (A – Internacional), Capixaba (A – Atlético-MG) e Rafael Moura (A – Atlético-MG).

SAÍRAM: Fernando Leal (G – Mirassol); Ceará (LD); Renato Justi (Z); Pará (LE – Cruzeiro); Rafael Jataí (V – Botafogo-PB); Ernandes (V – Ceará); William (V – Botafogo-SP); Neto Moura (V – Sport); Ruy (M – Coritiba); Felipe Amorim (M – Figueirense); Mike (A – Internacional); Hugo Almeida (A – Ittihad Tanger-MAR); Hugo Cabral (A – Santo André); Bruno Sávio (A – Bragantino);.

A PROMESSA: Matheusinho (M – 19 anos). Deu seus primeiros passos na Série A em 2016 mas assumiu de vez o protagonismo do time em 2017. Apesar da lesão no joelho, deve voltar para o Brasileiro e se tornar mais uma vez peça fundamental para Enderson Moreira. Rápido e driblador, deve estar entre os principais nomes da equipe.

FIQUE DE OLHO: João Ricardo (G – 29 anos). Ídolo do clube, foi o principal destaque da última passagem do Coelho pela Série A. Com a força do sistema defensivo montado por Enderson Moreira, deve estar mais uma vez entre os destaques da posição na temporada.

EM 2018: Campeonato Mineiro (corre por fora), Copa do Brasil (oitavas de final), e Campeonato Brasileiro (luta contra o rebaixamento).

0

About author

Itens relacionados

/ Você também pode verificar esses itens

Vitória, Pré-Temporada,

Pré-Temporada: Vitória

Retornar à Série A é sempre uma missão difíci...

Leia mais
Vasco, Pré-Temporada,

Pré-Temporada: Vasco

Retornar à Série A é sempre uma missão difíci...

Leia mais
Sport, Pré-Temporada,

Pré-Temporada: Sport

Retornar à Série A é sempre uma missão difíci...

Leia mais

0 comentários

Deixe uma resposta