Marcação Tática
Pré-Temporada: Flamengo
12 janeiro, 2019
0
,

Já são anos acumulados de boa gestão que colocaram o Flamengo no rumo das conquistas. Mas ela ainda não chegaram, o que aumenta a pressão. Principalmente se tratando do clube mais popular do país. Com uma nova diretoria, o rubro-negro carioca entra 2019 com reforços de peso, dinheiro em caixa e a promessa de deixar para trás o “cheirinho”.

Possível, mas sem garantias. O Flamengo já tinha um bom time nas últimas temporadas e acumulou boas campanhas em quase todos os torneios que disputou. Mas em um país com o futebol tão nivelado, é impossível garantir conquistas. Trabalho sério, de longo prazo, costuma dar resultado. Mas ainda não é o que se pode dizer do Flamengo.

Ainda que o clube tenha se estruturado, as mudanças no futebol são constantes. Mais uma vez, começa o ano de técnico novo. Abel Braga por muitas vezes tirou leite de pedra no Fluminense. Em 2019 poderá escolher as vacas. A principal vantagem no planejamento deste ano é que as principais contratações vieram ainda na pré-temporada, diferentemente dos últimos anos quando o clube investiu forte na janela do meio do ano.

Flamengo reforçou muito time que já era forte. Resta saber como as peças ofensivas vão se entender e qual a ideia de Abel para elas.

As chegadas de Arrascaeta e Gabriel Barbosa certamente aumentam muito o poder de fogo do time. Um dos melhores jogadores em atividade no continente e o artilheiro do país no último ano, com altos investimentos, fazem a expectativa para o Flamengo crescer. Ainda é preciso saber qual a ideia de Abel para encaixar as peças. Arrascaeta funcionou bem no Cruzeiro e na seleção quando foi deslocado para o lado esquerdo. Centralizado, ainda precisa provar. Éverton Ribeiro ou Diego, caso permaneça no clube, também podem fazer a função. Sobram alternativas.

Se souber lidar com a pressão por conquistar muito, o Flamengo tem tudo para ser um dos melhores times para se assistir no país. Sobra material humano, ainda que a diretoria precise resolver problemas na lateral direita e na zaga. Outro “problema” é tentar seguir dando espaço para os jovens, que estão enchendo os cofres do clube nas últimas temporadas. De qualquer forma, impossível encarar o Fla como um dos favoritos a tudo que se propuser disputar em 2019.

TÉCNICO: Abel Braga (no comando desde janeiro de 2019)

CHEGARAM: Abel Braga (T – Sem Clube), Rodrigo Caio (Z – São Paulo), Arrascaeta (A – Cruzeiro) e Gabriel Barbosa (A – Santos).

SAÍRAM: Réver (Z – Atlético), Rômulo (V – Grêmio), Matheus Sávio (M – CSA), Lucas Paquetá (M – Milan-ITA), Marlos Moreno (A – Manchester City-ING) e Geuvânio (A – Tianjin Quanjian-CHI).

A PROMESSA: Lincoln (A – 18 anos). Terá concorrência ainda mais dura nesta temporada, mas já deu passos importantes na última temporada. Atacante de rara capacidade técnica, precisa seguir ganhando rodagem para brilhar como se espera.

(Em 2018 a aposta foi Vinicius Júnior, que ficou pouco tempo no clube após ser vendido para o Real Madrid. Hoje é um dos principais jogadores de uma das principais equipes do mundo.)

FIQUE DE OLHO: Arrascaeta (A – 24 anos). Uma das contratações mais caras da história do futebol brasileiro, precisa provar que valeu o investimento após o litígio com o Cruzeiro. Resta saber se conseguirá repetir o desempenho, provavelmente jogando em função diferente no Rio de Janeiro. Já mostrou capacidade técnica e poder de decisão de sobra para brilhar.

EM 2019: Campeonato Carioca (favorito ao título), Copa Libertadores (briga pelo título), Copa do Brasil (briga pelo título) e Campeonato Brasileiro (briga pelo título).

AS APOSTAS DO BLOG EM 2018 (em negrito os acertos): Campeonato Carioca (briga pelo título), Copa Libertadores (quartas de final), Copa do Brasil (briga pelo título) e Campeonato Brasileiro (briga pelo título).

0

About author

Itens relacionados

/ Você também pode verificar esses itens

internacional

Pré-Temporada: Internacional

Já são anos acumulados de boa gestão que coloca...

Leia mais
gremio

Pré-Temporada: Grêmio

Já são anos acumulados de boa gestão que coloca...

Leia mais
goias

Pré-Temporada: Goiás

Já são anos acumulados de boa gestão que coloca...

Leia mais

0 comentários

Deixe uma resposta